Pizzas Divertidas

Mais uma aulinha pra lá de gostosa chegando!

22 de Março – Quarta-feira
às 19h

Na aula de Pizzas as crianças colocam a mão na massa e aprendem a fazer pizzas em formatos diversos e com recheios saudáveis.

A massa das pizzas é integral, sem glúten, sem lactose ou caseína.

Os recheios incluem: frango desfiado, atum, molho de tomate caseiro e outras delícias livres de conservantes ou corantes artificiais.

O objetivo do curso é motivar a alimentação mais saudável através de comidas que eles já gostam, porém adaptadas na versão funcional.

O curso inclui apostila e certificado! Apenas 8 crianças por turma.

Para crianças a partir de 7 anos.

Para garantir a vaga do seu filho basta efetuar a compra do ingresso no link abaixo:



A aula acontece no consultório da nutricionista Laiz Lauda – Rua 1822, 400 – Sala 1503 – Centro – Balneário Camboriú.

Para mais informações entre em contato (47) 99618-2848 Chef Gaby Antezana ou contato@chefgabyantezana.com.br

Aguardo seus baixinhos para uma noite divertida e deliciosa!

Com carinho,

Salvar

Lanchinhos Saudáveis

Cursos | março 8, 2017 | By

A primeira oficina foi um sucesso e agora está formando a nova turma!

                                    Sábado, 18 de Março às 14h.

A oficina de “Lanchinhos Saudáveis” tem como objetivo melhorar a alimentação das crianças, motivando a preparem suas comidinhas favoritas em versões funcionais. Nesta aula eles vão fazer Bolo de chocolate, Nuggets e Picolé! Na apostila vão ter receitas extras para fazerem em casa, como bolo de paçoca e muffin de legumes.

Todas as receitas são sem glúten, sem leite ou derivados e sem soja! Caso algum aluno tenha alguma outra alergia alimentar (ex: alergia a ovo), favor comunicar com antecedência para que as receitas sejam adaptadas.

A aula conta no máximo com 8 alunos previamente inscritos. Para crianças de 6 a 10 anos.

Os alunos recebem avental para usar durante o preparo das receitas. Inclui apostila e certificado.

Local: Rua 1822, 400 – Sala 1503. Consultório da nutricionista Laiz Lauda.

Para garantir a vaga do seu filho é só efetuar a compra clicando no botão abaixo:





Para ficar por dentro dos próximos cursos é só se inscrever aqui no blog:

Em caso de dúvidas clique aqui para entrar em contato.

Vejo vocês na aula!

Beijos,

Minha alergia

Textos | fevereiro 16, 2017 | By

Oi amorinhas, como vocês estão?

O post de hoje não é nada gostoso, mas é um assunto muito sério: alergia ao glúten!

Sim, a alergia ao glúten é real.

Não, a alergia ao glúten não é frescura. Dói. Machuca. Incomoda. Não é bonito.

Antes de contar o que aconteceu, vou falar um pouco mais sobre como descobri que era alérgica e o que mudou na minha vida quando resolvi cortar o glúten da alimentação.

A primeira vez que eu ouvi que glúten fazia mal foi quando eu morava na Austrália (2009/2010) e era tudo “gluten free” pra cá e pra lá. Coitada de mim, cheguei sem entender bulhufas daquele sotaque e fui trabalhar como garçonete! Corria pro chef pedir socorro porque eu não entendia nada do assunto. Na época ele me explicou que era moda e frescura das pessoas. Também disse pra não dar muita bola pro assunto (sim, juro!). Tá… na minha cabeça ficou que era algo insignificante, mas ao mesmo tempo bateu aquela curiosidade “por que faz mal?”. Infelizmente eu demorei pra ir atrás dessa resposta.

Alguns anos depois de voltar ao Brasil, enquanto minha mãe fazia tratamento, o oncologista dela mandou cortar tudo que tinha glúten e recomendou pra que eu seguisse a mesma reeducação alimentar. Certo, começou a adaptação e aquela crise do “não tem nada pra comer”. Esses detalhes eu vou contar em outro post, tá?

Com o tempo começaram a aparecer os benefícios da vida gluten free. O intestino começou a funcionar melhor, tive menos inchaço, menos espinhas… menos coceira! Coceira? Sim! Durante anos e anos eu sofri com uma coceira terrível no couro cabeludo e na sola dos pés. Perdi as contas de quantos remédios, shampoos, sabonetes e dermatologistas passaram na minha vida por conta dessa alergia e nada trazia resultado. Claro que não tinha resultado, remédio pra micose não cura alergia ao glúten, oras bolas! Um detalhe tão simples, que ninguém nunca considerou.

A alergia pode se manifestar de diversas formas e é individual, cada pessoa pode ter reações diferentes. No meu caso são feridas no couro cabeludo e nos pés, a ponto de sangrar e não conseguir encostar a cabeça no travesseiro de tanta dor ou passar sabonete nos pés de tanto que ardiam as feridas. Sim, era de chorar. Vez ou outra, são essas manchas vermelhas na pele. E claro, os efeitos se manifestam no intestino também.

O tratamento? Viver sem glúten. Bom, pra mim é fácil, né? Com o passar dos anos me acostumei e vivo muito bem, obrigada.

Essas fotos eu tirei no último sábado à noite, depois de não resistir e comer amendoim com aquela casquinha crocante… tá aí o resultado! Fica a lição pra dizer “não” ao amendoim e não sofrer com essas manchas e feridas no corpo, porque só um pouquinho também faz mal. (OK, bem feito pra mim, eu sabia e comi do mesmo jeito… me julguem!).

A intenção do post é: informar e alertar!

→ Glúten faz mal de verdade, pra todo mundo, mais ainda pra quem é celíaco ou alérgico.

→ O assunto é sério.

→ Pode ser muito pior do que essa alergia. Há casos de pessoas que chegam a entrar em coma por ingerirem glúten, mesmo!

Lembrem-se este é um relato da minha individualidade, da minha alergia, da minha saúde. Cada pessoa pode reagir de diferentes formas após comerem algo com glúten. Avaliem-se. Cortem o glúten da sua alimentação e vejam como muda pra melhor 😉

Nosso melhor remédio e prevenção é sempre a alimentação saudável e natural ♥

Nos próximos posts vou falar mais da contaminação cruzada e outros efeitos do glúten no organismo, tá?

Beijos e até mais ♥

Salvar

Salvar

Curso de Hambúrgueres Veganos

Cursos | fevereiro 13, 2017 | By

Bom dia amorinhas,

Pra quem acompanha as redes sociais já viu que 2017 começou bombando com workshops deliciosos para crianças! Agora chegou a vez dos grandinhos se divertirem na cozinha também.

O curso de Hambúrguer acontece no dia 04 de março, sábado, às 14h no consultório da nutricionista Laiz Lauda. Onde ela montou uma cozinha experimental para cursos, olha a foto aí em cima pra ver como é linda e aconchegante essa cozinha ♥

São apenas 8 alunos por turma, assim todos conseguem participar ativamente e ter atenção especial durante a aula. Além da apostila com as receitas, todos recebem certificado no final 🙂

Vamos fazer juntos 6 receitas de hambúrguer, todas sem glúten, sem leite ou derivados, sem soja e sem ovo!
Todas os hambúrgueres são ricos em proteína, tem baixo índice glicêmico e, claro, são muito funcionais.

Pra fechar a aula, vamos degustar todos os hambúrgueres com diversos acompanhamentos saudáveis e deliciosos (as receitas também vão estar na apostila!).

Para participar basta confirmar sua vaga pelo e-mail contato@chefgabyantezana.com.br

O valor do investimento é R$215,00 em até 12 vezes no cartão. À vista é R$197,00.

Restam apenas 3 vagas ♥♥♥  Então garanta logo a sua!

Em caso de dúvidas e para mais informações pode mandar um oi aqui no whats também (47) 99618-2848 – Gaby Antezana.

Aguardo vocês!

Ah, para ficar por dentro dos próximos cursos é só se inscrever aqui no blog

 

Beijos e até mais 😉

Muffins de Banana e Chocolate

Boa tarde, amorinhas! Eu disse que hoje tinha mais post, né?

Mais post, mais workshop, mais crianças e mais delícias!!!

Hoje foi de muffins no Workshop que aconteceu na Camicado! Mas o que são muffins? A dúvida bate na hora de diferenciar um muffin do seu primo famoso, o cupcake!
Pra mim a diferença nítida sempre foi o fato que muffins não tem recheio ou aquela cobertura dos cupcakes, são apenas bolinhos 🙂 Claro, nem por isso deixam de ser deliciosos e sem dúvidas, mais saudáveis! Pra não falar na praticidade de fazer haha!

Esses muffins de banana com chocolate são um dos meus favoritos da vida! Lembro que a primeira vez que fiz, foi um que veio num encarte de receitas do Azeite Andorinha. Pra variar eu ainda era novinha, devia ter uns 12 anos quando fui me aventurar na cozinha com esses bolinhos from heaven e desde então não parei mais, me apaixonei!

Bananas são excelente fonte de potássio, vitaminas do complexo B, ferro, magnésio e triptofano (já falei dele nesse post 😉 ) Ajudam a reduzir os sintomas da TPM e até a dor de cabeça que bate de vez em quando, sabia? Ao invés de ir direto para os remédios, consumir bananas regularmente podem te ajudar a viver sem estes incômodos do dia-a-dia. Além de ajudarem a regular o intestino e fornecerem muita energia!

Infelizmente as crianças (e muitos adultos) nem sempre gostam de comer frutas. O jeito é camuflar nas receitas e aproveitar um pouco de seus benefícios.

Vale lembrar que como toda receita que contém açúcar exige um consumo controlado! Ou seja, nada de comer todos de uma só vez, ok?

Ah, quem quiser pode comprar o mix pronto na Queen’s Bakery.

Vamos pra cozinha?

Muffins de Banana e Chocolate
Write a review
Print
Ingredientes
  1. 1/2 xícara de óleo de coco
  2. 1 xícara de açúcar demerara
  3. 2 ovos caipira
  4. 3 bananas maduras (eu uso a branca)
  5. 1/2 xícara de leite vegetal ou água
  6. 2 xícaras de farinha integral sem glúten
  7. 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
  8. 1 colher de chá de sal marinho ou sal do himalaia
  9. 1 xícara de chocolate meio amargo em pedaços
  10. Forminhas de papel próprias para assar
Modo de Preparo
  1. Numa tigela, peneire a farinha com o bicarbonato de sódio e sal - misture bem e reserve.
  2. Numa batedeira, bata o óleo de coco com o açúcar até obter uma mistura cremosa.
  3. Num potinho, quebre os ovos e mexa com um garfo, acrescente-os na primeira mistura e bata mais um pouco.
  4. Amasse bem as bananas com um garfo e acrescente na massa, bata por mais um minuto.
  5. Acrescente a mistura de farinha com bicarbonato e sal e bata até obter uma massa homogênea.
  6. Aos poucos, coloque o leite vegetal ou água.
  7. Por último, acrescente metade do chocolate em pedaços e mexa bem para deixar a massa bem chocolatuda hahaha!
  8. Enfim, numa assadeira própria para muffins, espalhe as forminhas de papel e coloque a massa, ocupando 3/4 das forminhas.
  9. Distribua a outra metade dos pedaços de chocolate nas forminhas de muffins, coloque direto na massa, não por cima!
  10. Leve para assar em forno pré-aquecido a 180°C por 20 minutos.
  11. Não esqueça de fazer o teste do palitinho pra verificar se a massa está pronta.
  12. Espere uns minutos para esfriar e curta uma tarde maravilhosa com seus muffins!
Notes
  1. Dica: Essa não é a mesma receita que vinha no encarte do Azeite Andorinha, mas vocês podem acrescentar 2 colheres de sopa de azeite de oliva na receita. Garanto que fica sensacional.
Chef Gaby Antezana http://www.chefgabyantezana.com.br/

Beijos e até o próximo post,

    

 

 

Cookies para Crianças

Oi amorinhas, tudo bem?

Hoje foi dia de Workshop na Camicado, no Balneário Camboriú Shopping. Dessa vez foi especial pra criançada que também adora colocar a mão na massa e fazer gostosuras na cozinha!

Os Cookies são para crianças, mas os adultos também vão se apaixonar!

A receita é de família ♥ só fiz as adaptações pra ser sem glúten e mais saudável.

Esta é uma das receitas pra guardar pra sempre e fazer toda semana. Como vocês já sabem, os produtos industrializados estão cheios de aditivos químicos que fazem mal pra nossa saúde e as crianças são grandes vítimas desse tipo de comida. Os biscoitos (ou bolachas) são cheios de gordura hidrogenada e corantes. Não é justo estragar a vida deles com isso, né? Então, bora fazer e ter no estoque de casa sempre, porque além de ter um momento em família na hora de fazer, preservamos uma alimentação mais saudável para todos.

Uma dica boa pra entreter os pequenos nas férias ou até no dia a dia, é com atividades manuais! Cozinhar estimula a criatividade, mantém a concentração e ajuda a criar o senso de cooperação quando a atividade é feita em grupo ♥

Pra quem foi e quer fazer os Cookies em casa e pra quem não foi e também quer aproveitar a chance, tá aqui a receitinha pra vocês 🙂
Me contem como ficou e não esqueçam de publicar com as hashtags #ChefGabyAntezana e #ReceitasDaQueen (porque # receitas da Gaby já existia 🙁 ).

Quem preferir pode comprar os cookies prontos ou o mix para fazer em casa na Queen’s Bakery

Vamos pra cozinha?

Cookies de Chocolate Funcionais
Write a review
Print
Ingredientes
  1. 1/2 xícara de óleo de coco
  2. 1 ovo caipira
  3. 3/4 de xícara de açúcar mascavo
  4. 3/4 de xícara de açúcar demerara
  5. 2 xícaras de farinha integral sem glúten
  6. 1 xícara de chocolate meio amargo em gotas ou picado
  7. 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
  8. 1 pitada de sal marinho ou sal do Himalaia
Dica
  1. Eu uso chocolate sem glúten, sem leite e sem soja da Ouro Moreno.
Modo de Preparo
  1. Numa tigela mescle a farinha sem glúten com o bicarbonato de sódio e sal - reserve.
  2. Na batedeira misture o óleo de coco com o açúcar mascavo e demerara, bata até obter uma mistura homogênea.
  3. Quebre o ovo num outro potinho e mexa um pouquinho, acrescente na mistura e bata por mais uns 2 minutinhos.
  4. Acrescente aos poucos a mistura de farinha e bata até que a massa esteja bem maleável e não grude muito nos dedos.
  5. Faça bolinhas ou modele de acordo com a sua imaginação!
  6. Acrescente as gotas de chocolate conforme você vai modelando.
  7. Leve ao forno pré aquecido a 150°C por 15 minutos.
  8. Espere esfriar e divirta-se inventando estorinhas na hora de comer.
Cuidado
  1. Não deixem as crianças usarem a batedeira e o forno sem a ajuda de um adulto responsável!
Chef Gaby Antezana http://www.chefgabyantezana.com.br/

Amanhã é Workshop de Muffins de Banana com Chocolate, aí posto a receita pra vocês também 🙂

Beijinhos,

 

 

 

Queen's Bakery

Sopa de Pepino & Alho Poró com Limão

Dia-a-Dia | dezembro 11, 2016 | By

Olá amorinhas, tudo bem?

Promessa é dívida, né? hahaha! Já está aqui a segunda parte do Workshop Sopas de Verão que aconteceu na Camicado no Balneário Camboriú Shopping.

Essa sopa é a cara do verão, leve e refrescante. A sensação é que conforme você toma, você emagrece automaticamente hahaha! Sopa milagrosa? Vamos com calma! Brincadeiras a parte, é importante lembrar que não existem receitas milagrosas, nosso corpo é reflexo dos nossos hábitos. E cá entre nós, essa sopa é tãããããoooo gostosa, que pode virar hábito o verão inteiro.

Uma dica bacana é fazer um montão de uma só vez e congelar em porções. Assim fica mais fácil manter um ritmo saudável na alimentação.

Eu gosto muito de tomar estas sopas à noite, pois você se sente mais confortável para dormir, sem aquela sensação de peso no corpo e na consciência.

Por que ela faz bem? O Pepino e Alho Poró juntos tem incríveis super poderes, ajudam a prevenir diversos tipos de câncer, reduzem o nível de colesterol no sangue e ainda é são uma potente arma para combater diabetes tipo 2! Além de fazerem muito bem para regular o nosso intestino, nos prevenindo de possíveis inflamações. Apesar de ser apenas um toque, vale ressaltar que o Limão tem magníficas propriedades analgésicas, antigripais e inclusive melhora o nosso humor e ajuda a reduzir a ansiedade!

Motivos pra consumir essa sopa não faltam, né? Vamos pra cozinha?

Sopa de Pepino & Alho Poró com Limão
Write a review
Print
Ingredientes
  1. 1 cebola média
  2. 3 dentes de alho
  3. 2 xícaras de pepino picado (com sementes)
  4. 2 xícaras de alho poró picado
  5. Suco de dois limões
  6. Folhas de hortelã a gosto
  7. Sal marinho
  8. Pimenta do reino preta
  9. Água filtrada
  10. Óleo de coco
Modo de preparo
  1. Numa panela aqueça o óleo de coco e refogue a cebola e alho. Em seguida acrescente o alho poró, espere alguns minutos e logo depois coloque o pepino picado.
  2. Tempere com sal e pimenta preta moída na hora!
  3. Acrescente água aos poucos para não deixar grudar. Aí é importante deixar cozinhar bem até que o pepino esteja bem suave.
  4. Bata tudo no liquidificado (Lembre-se que caso o seu não seja de vidro e termo resistente, é importante aguardar para que esfrie um pouco).
  5. Volte para a panela, ajuste o sal e a pimenta caso ache necessário.
  6. Acrescente o suco de limão e mexa bem.
  7. Pronto!
  8. Agora é só escolher uma proteína para acompanhar e desfrutar o melhor do verão com essa sopa mara!!!
Se liga nas dicas aqui embaixo
Dica 1
  1. Qual proteína combina mais? A que você mais gostar! Frango ou peixe combinam super bem!
  2. Pra quem optar a versão vegana, é só cozinhar uma porção de quinoa a parte e misturar depois.
Dica 2
  1. Qual tipo de pepino? Tanto faz! Tanto o pepino japonês quanto o caipira são ótimos.
Chef Gaby Antezana http://www.chefgabyantezana.com.br/

 E aí? Gostou? Fique por dentro das próximas receitas fazendo o seu cadastro aqui no blog:

 

Beijinhos e até o próximo post!

Gaby-Antezana---Assinatura

Sopas de Verão

Dia-a-Dia | dezembro 3, 2016 | By

Oi amorinhas, tudo bem com vocês?

Depois de uma temporada sem computador, volto com os posts mais gostosos do mundo pra vocês!!!
Hoje vamos falar de sopas!

Tem gente que não gosta de sopa… Eu hein?! Amo sopas!
Só que diferente do que a maioria está acostumado, sopa não é só no inverno! Sopas caem muito bem no verão também.

A questão é que a estação pede outras versões, outros sabores e combinações. Pra falar melhor disso tudo nada como um Workshop, né?

WorkshopCamicadoHoje, 03/12/2016, rolou na loja Camicado no Balneário Camboriú Shopping um Workshop com o tema “Sopas de Verão” e pra quem foi e pra quem não foi, tá aqui o post com uma das receitinhas que fiz lá. A outra eu posto depois, tá?

A primeira é uma sopa com sabores que remetem a minha querida Tailândia. A receita surgiu de uma dessas vontades malucas que eu tenho de comer, aí fui pra cozinha e fiz! Acho que comidas do dia-a-dia não devem ser seguidas por medidas, devem ser feitas com o espírito e intuição do momento, por isso que minhas comidas nunca ficam iguaizinhas haha! E eu juro que tento com o maior carinho medir o máximo possível pra postar pra vocês, pois costumo fazer tudo no olhômetro. Só que peço para que vocês se arrisquem um pouco na cozinha e façam testes, troquem este tempero ou ingrediente por aquele outro que estava aí dando bobeira. Nem sempre fica bom, mas tentem! É o único jeito de aprenderem a cozinhar 😉 e por favor, me contem depois como ficou ♥

Ah, sobre ser sopa quente ou fria… Vocês escolhem! Eu provei dos dois jeitos e amei!

Vamos pra cozinha?

 

Sopa de Tomate & Pimentão com Coco
Write a review
Print
Ingredientes
  1. 1 coco seco (opcional) ou 200ml de água de coco de caixinha
  2. 200ml de leite de coco (1 caixinha)
  3. 4 tomates graúdos bem maduros
  4. 1 pimentão médio
  5. 1 cebola média
  6. 3 dentes de alho
  7. Curry a gosto
  8. Pimenta caiena moída a gosto
  9. Sal marinho a gosto
  10. Óleo de coco
  11. Água filtrada
Modo de preparo
  1. Pique o tomate (descarte as sementes e se quiser, tire a casca), a cebola, o pimentão e o alho e reserve. Não precisa ser tudo bem picadinho, podem ser cortes grande e irregulares.
  2. Numa panela, refogue no óleo de coco a cebola e em seguida acrescente o alho. Aguarde uns minutos e acrescente o pimentão. Deixe refogar e depois acrescente o tomate. Jogue um pouco de água filtrada aos poucos para não deixar grudar na panela. Tempere com sal, curry e pimenta caiena.
  3. Quando estiver tudo bem cozido, tire a panela do fogo e bata tudo num liquidificador (caso o seu não aguente altas temperaturas, espere esfriar um pouco ou caso você tenha um mixer, pode utilizá-lo direto na panela também).
  4. Após bater tudo no liquidificador (ou mixer) volte a mistura para a panela e corrija o tempero, se achar necessário. Uma dica bacana é acrescentar uma pitada de bicarbonato de sódio, como os tomates e pimentões são vítimas dos agrotóxicos, é legal para alcalinizar a receita, além de dar uma cor mais viva para a sopa.
  5. Acrescente o leite e água de coco. Prove para ver se está agradável para você e sirva!
  6. Pra quem optou pelo coco seco, pode servir no coco que fica lindo!
Agora preste atenção nas dicas aqui embaixo
Dica 1
  1. E as proteínas? Ah, sim! Não vamos esquecer das nossas amiguinhas proteínas. O que eu recomendo? O que você quiser! Frango, atum, tilápia... desfiados ou em cubos ou servidos num prato ao lado. Você pode utilizar os mesmos temperos (curry e caiena) ou harmonizar com outros.
  2. Veganos? Cozinhe quinoa a parte e acrescente-a no final do preparo.
Dica 2
  1. Para quebrar o coco seco - Ele tem três furinhos numa das extremidades, certo? Com uma chave de fenda (sim, chave de fenda) procure o mais macio e fure, deixe a água escorrer um copo. Aí com um martelo (martelo de ferramentas ou aqueles de cozinha) vá batendo no coco até ele rachar, se você bater apenas ao redor do coco, ele vai quebrar exatamente na metade e você pode usar os dois lados pra servir. E o furinho? tire uma lasca e cubra o furinho, e só coloque a sopa na hora de servir, vai segurar tempo o suficiente pra não fazer uma bagunça na mesa haha! Não esqueça de coar a água antes de utilizá-la, pois ela acaba saindo com um pouco de casca.
Dica 3
  1. Depois de servir, lave o coco e retire a polpa para fazer outras receitas! Não jogue fora, por favor!
Dica 4
  1. A sopa fica com pedacinhos da casca, se você achar ruim, basta coar! Atenção, peneiras ou coadores de plástico requerem cuidado, é melhor esperar esfriar para evitar acidentes. O ideal é passar numa peneira de inox.
Dica 5
  1. Nunca, mas eu disse NUNCA, acentue a palavra COCO quando você estiver fazendo referência a fruta, ao alimento, ao que você come e bebe, ok? Ou até mesmo se for no sentido figurado da sua cabeça. Caso contrário está errado! Caso você tenha visto um chef, uma marca, um produto que tenha acentuado, está errado! Na dúvida, consulte o dicionário.
Chef Gaby Antezana http://www.chefgabyantezana.com.br/

Pra não perder a outra receita, faça seu cadastro aqui no blog e fique por dentro de tudo:

Beijos e até o próximo post,

Gaby-Antezana---Assinatura

 

Alimentação na infância

Dia-a-Dia, Textos | agosto 15, 2016 | By

download Olá pessoal, me chamo Aline De Faveri, sou nutricionista, trabalho em Balneário Camboriú, e fui convidada pela Chef Gaby para colaborar com o Blog compartilhando com vocês informações científicas, curiosidades, e um pouquinho do meu trabalho. Como este é o meu primeiro post, gostaria de falar sobre um tema muito importante, que é a Alimentação na Infância. Brincar é bom! Mas quando o assunto é a alimentação das crianças, não é brincadeira, é coisa séria!     Isso porque o hábito alimentar das pessoas, se forma na infância, principalmente na idade escolar e,  geralmente, erros alimentares das crianças, levam a dificuldades de aprendizagem e de concentração na escola, além de aumentarem as chances de atraso no crescimento, pois promovem o aumento de peso e de gordura, e podem ainda, levar ao desenvolvimento de doenças como: a obesidade, anemia, pressão alta, resistência à insulina, diabetes ou problemas no coração, por exemplo.

     Os erros mais comuns dos pais na alimentação das crianças são oferecer todos os dias alimentos ricos em açúcar e gordura, como bolachas recheadas, bolos, salgadinhos e refrigerantes, por serem os únicos alimentos que a criança aceita. E consequentemente, oferecer poucas verduras e frutas. Uma coisa é inegável, a criança crianc3a7as_que_nc3a3o_quer_comercostuma imitar o comportamento de um adulto que é sua referência, principalmente dos pais. E isso vale também para a alimentação! De nada adianta forçar seu filho a comer brócolis, se você não dá este exemplo a ele. Se os pais se alimentam bem, comem saladas e vegetais, comem frutas e verduras diariamente, e compartilham destes momentos com os filhos, geralmente as crianças irão copiar estes hábitos. Agora, se a criança sempre faz birra nas refeições, só quer comer doces, salgadinhos e comidas industrializadas, recusando sempre os alimentos saudáveis e nutritivos, você precisa educar o seu paladar.

     Para educar o paladar da criança com alimentos mais saudáveis, seja persistente e tenha bastante paciência. Pesquisas científicas afirmam que uma pessoa pode provar um determinado alimento por até 15 vezes antes de decidir se gosta ou não gosta dele. Por isso, se seu filho demostrar que não gosta de alguma coisa, insista pelo menos mais 10 vezes. Nessas horas, a criatividade auxilia bastante, varie os tipos de cozimento, de cortes e apresentações. Insista, mas não force. Espere para que ele tenha fome, e quando manifestar interesse pelas refeições ofereça sempre opções saudáveis e nutritivas.

    A falta de frutas, verduras e legumes prejudica o crescimento da criança, pois são alimentos altamente ricos em fibras, vitaminas e minerais, que contribuem para o crescimento adequado, desenvolvimento saudável dos músculos e ossos, do sistema imunológico e resistência a doenças, além de facilitarem o bom funcionamento do intestino.

     Uma boa estratégia para que a criança aprenda a comer frutas e legumes é variar a forma como estes alimentos são apresentados. A textura e a cor dos alimentos também influenciam no paladar. Se a criança não gosta de cenoura ralada, experimente cozinhar quadradinhos de cenoura junto com o macarrão ou carne moída para ver se desta forma ela come. Faça o possível para variar a aparência e as cores dos alimentos. Cozinhe pedacinhos de beterraba junto com o arroz por exemplo, isso garantirá um arroz bem colorido e mais atrativo. Utilize ainda, pratos coloridos, desenhos com os alimentos, alusão a personagens que a criança gosta, isso faz com que ela seja mais atraída pela hora da refeição.

     E não se esqueça, se o ambiente onde a criança se alimenta é de estresse e irritação, há uma grande probabilidade de fazer birras e rejeitar a comida, por isso mantenha uma conversa agradável à mesa com seu filho(a). E não se esqueça, alimentação saudável não é modismo, e uma mudança de hábito de vida, que irá melhorar a saúde de toda a família!!

Espero que tenham gostado, logo tem mais…

Uma ótima semana a todos!

Por Aline De Faveri – Nutricionista (CRN 10: 4545) 

 

As nutris do blog!

Textos | agosto 8, 2016 | By

Esqueçam tudo sobre dietas chatas e abram a mente a geladeira pra um mundo de delícias saudáveis! Com muito orgulho apresento hoje para vocês as nutris do blog!

Lindas, queridas e cheias de conteúdo, as nutricionistas Aline De Faveri, Andrielle Petry, Duane Bollmann, Geórgia Bachi, Jaqueline Maffezzolli e Michely Mandelli Micheleto, integram o time de autoras do blog. 

Em breve elas estarão postando textos com dicas e informações sobre alimentos funcionais e vida saudável.

Quer ler sobre algum tema específico? É só mandar um e-mail pra gente.

Não se esqueçam que é fundamental consultar uma nutricionista para manter um ritmo de alimentação saudável de acordo com suas necessidades. Conheça a especialidade de cada uma e agende sua consulta! 

Pra ficar por dentro de todos os novos posts é só se cadastrar aqui no blog:

Beijos e até o próximo post!

Gaby-Antezana---Assinatura